Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Praxe!!? O que é uma praxe? O termo é proveniente do grego prâksis que significa “acção, transacção ou negócio”. Actualmente, praxe é sinónimo de “uma prática habitual”. No mundo académico Praxe é a designação dada ao conjunto de regras que regem as relações hierárquicas e sociais da comunidade estudantil. Na prática, e sobre o disfarce da integração, é a forma dos estudantes veteranos mostrarem aos mais novos "quem é que manda".

 

É necessário distinguir duas situações diferentes, mas muitas vezes confundidas: existe Praxe (conjunto de práticas, que visa regular e integrar os novos estudantes) e existe Gozo ao Caloiro (um susposto direito dos estudantes mais velhos de brincar com os caloiros). Pelo que a praxe encerra nos dias de hoje, Praxe e Gozo ao caloiro acaba por ser a mesma coisa: o gozo total e por vezes violento ao caloiros. Se o mesmo tratamento fosse dado a um aluno do ensino secundário, seria rotulado de bullying. Mas na universidade chama-se praxe, a bem da tradição. Pois, é que supostamente são todos adultos na universidade, ao contrário da escola.

 

A história da praxe em Portugal tem 500 anos, com algumas interrupções e outras tantas proibições, mas sempre com o lado gozão de mostrar o resto da vida de estudante aos novos alunos. Quando realizada com boas intenções, a praxe traz vantagens aos novatos. Ajuda na integração, na transmissão de conhecimentos e nas amizades, mas infelizmente, muitas vezes a praxe não é nada mais do que a demonstração de poder de um sobre o outro e muitas vezes acompanhada por humilhações. A praxe é tradição que já levou alguns ao hospital, outros à barra dos tribunais e infelizmente alguns à morgue.

 

Nos dias de hoje, praxe é a demonstração primária do poder de uns sobre os outros e pouco mais do que isso...

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:52


4 comentários

Sem imagem de perfil

De Simplesmente Maria a 28.09.2016 às 13:38

Tal diz no texto, tabém eu tenho a sensação que se passasse numa escola e não na universidade chama-se bullying e não praxe... mas isso sou eu.
Imagem de perfil

De Mula a 28.09.2016 às 21:55

Não poderia estar mais de acordo!
A verdade é que quando bem feita a praxe poderia ser boa para todos, todos se divertiriam, todos poderiam desfrutar uns dos outros e ainda se integrarem melhor na nova etapa de vida, o que acontece em muito lado, na minha antiga faculdade idem, é que muitas das vezes os não praxe são olhados de lado com desprezo e os que lá fazem parte são os bobos da corte dos mais velhos...

Claro que... no mundo do trabalho esta ordem continua, e... nada de novo. Só que eu fui sempre habituada a bater o pé e a reclamar seja onde for, seja no trabalho, na escola ou em casa... muitos desses caloiros aprendem a ouvir e a calar... eu nunca o consegui...

Parabéns pelo post, dizes tudo o que eu queria dizer e não consegui.
Imagem de perfil

De jojoratazana a 29.09.2016 às 00:31

É burro.
Sem imagem de perfil

De simplesmente... a 29.09.2016 às 09:22



Gostei do seu texto.

As praxes, tal-qual se praticam nos dias de hoje, não têm qualquer justificação ou desculpa.

Comentar post



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Comentários recentes


Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D